Unimed João Pessoa

Notícias

Entenda a diferença entre gripes e resfriados e veja como preveni-los

A- A+
Publicada em 11/07/2017 às 07h00
Quando se trata de gripes e resfriados, o melhor remédio é a prevençãoQuando se trata de gripes e resfriados, o melhor remédio é a prevenção

Não sabe se está gripado ou resfriado? Gripes e resfriados são doenças distintas, mas que partilham vários sintomas em comum.

A gripe é uma infecção respiratória, que pode ser mais ou menos grave e é causada pelo vírus da Influenza. O resfriado também é uma infecção respiratória viral, mas existem dezenas de vírus diferentes que podem provocar o resfriado, como Rinovírus, Adenovírus, Parainfluenza.

A febre não costuma aparecer nos resfriados, exceto em crianças pequenas. Já na gripe, a febre é comum e costuma ser acima de 38ºC, principalmente nas crianças. A gripe deixa o paciente mais prostrado, com dor de cabeça e, frequentemente, com dor nos músculos e articulações. No resfriado, o paciente tem coriza, tosse e espirros, mas encontra-se mais ou menos bem-disposto.

Quando se trata de gripes e resfriados, o melhor remédio é a prevenção. E, medidas simples podem ajudar a não ter os incômodos sintomas dessas doenças. No dia a dia, lave com frequência as mãos, procure uma alimentação balanceada consumindo menos alimentos gordurosos e mais alimentos cheios de vitaminas e minerais. Uma boa estratégia é comer frutas e salada. Tomar bastante água é fundamental.


CUIDADOS

Confira alguns cuidados para evitar a gripe e resfriados

  • Lavar as mãos com frequência
  • Utilizar lenço descartável
  • Não compartilhar objetos de uso pessoais 
  • Manter os alimentos bem ventilados
  • Evitar o contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença
  • Ao tossir ou respirar, usar lenço de papel, ou na ausência dele, cobrir o nariz com a área interna entre o braço e o antebraço, onde fica o cotovelo


SINAIS E SINTOMAS


Saiba diferenciar a gripe dos resfriados

Gripes:

Febre (menos comum e com temperaturas baixa)
Dores musculares
Coriza
Congestão nasal
Espirros
Tosse
Dor de garganta leve

Resfriados:

Sinais e sintomas semelhantes do resfriado comum, mas habitualmente em maior intensidade e duração

Manifestações respiratórias de maior gravidade, como falta de ar, podem estar presentes nos casos complicados


FORMAS DE PROPAGAÇÃO


São semelhantes nos casos de gripe e resfriados. Fique atento:

  • Gotículas respiratórias no ar (liberadas ao tossir ou respirar)
  • Contato com a pele (exemplo: aperto de mão)
  • Saliva (exemplos: beijo ou o compartilhamento de objetos que vão à boca)
  • Superfície contaminada (exemplos: maçaneta, corrimão, cobertor)

Com informações da Unimed do Brasil