Unimed João Pessoa

Notícias

Reaproveite os alimentos do dia anterior e evite desperdício

A- A+
Publicada em 10/01/2017 às 07h00
Sobras de comida devem ser reaproveitadas para evitar desperdício: atitude conscienteSobras de comida devem ser reaproveitadas para evitar desperdício: atitude consciente

Um dos desafios de quem prepara refeições em casa é acertar a porção exata de comida com base no número de pessoas que saboreará o preparo. Basicamente, a sobra das refeições costuma ter dois desfechos: ir para o lixo ou ser reaproveitada dando origem a novos preparos.

A última atitude é a mais consciente e reflete em economia doméstica e evita desperdícios. Sempre é bom lembrar que no Brasil diariamente são desperdiçadas 41 mil toneladas de alimentos. O reaproveitamento de alimentos também é uma ótima estratégia para ganhar tempo, já que utilizar a comida do dia anterior tende a ser mais prático do que começar um novo prato do início.

Abaixo separamos dicas de como reaproveitar alguns dos alimentos que costumeiramente integram a mesa dos brasileiros. Inspire-se com as opções e faça seus próprios pratos.

O QUE FAZER COM O QUE SOBROU?

Sobrou feijão?

Tutu de feijão: bata o feijão no liquidificador e depois refogue-o com azeite de oliva, alho, cebola, linguiça picadinha, couve picada e use farinha de mandioca para engrossar.
Caldinho de feijão: bata no liquidificador o feijão misturado com um pouco de água, leve ao fogo e acrescente cebolinha verde picada.

Sobrou arroz?

Arroz renovado: leve o arroz ao fogo, acrescente espinafre picado, abobrinha em cubos e um pouco de água para ajudar no cozimento dos vegetais. Depois que a água secar, adicione queijo ralado.
Arroz de forno: misture o arroz com milho, ervilha e creme de leite. Em uma atravessa intercale camadas dessa mistura com peito de frango desfiado cozido. Deixe alguns minutos no forno.

Sobrou frango?

Molho: desfie os pedaços de frango que sobraram e refogue com alho, cebola, tomate e cheiro verde. Utilize essa mistura para rechear panquecas, incrementar o macarrão ou para acompanhar o arroz.


Sobrou macarrão?


Salada: ao macarrão que ficou na geladeira acrescente cenoura em tiras, queijo minas, tomate seco e rúcula. Uma dica importante é cuidar para o macarrão não passar do ponto no dia do cozimento, evitando que fique muito mole e difícil de reaproveitar.


Sobrou peixe?


Bolinho de peixe: desfie a carne, acrescente um pouco de farinha, um ovo para dar liga e tempero a gosto. Faça bolinhas e coloque para assar no forno.
Salada: com o salmão, por exemplo, é possível deixá-lo em lascas e acrescentar abobrinha grelhada, tomate-cereja e molho pesto.


Fonte: Blog Ministério da Saúde / Portal Terra