A- A+

Artigos Médicos

Gerlane Camilo Madruga

Gerlane Camilo Madruga

CRM-PB: 3683 Especialidade: Pediatria

Sarampo: importância da imunização

Publicada em 06/09/2018 às 18h

O sarampo é uma doença contagiosa, causada por um vírus, que é transmitido através do contato interpessoal, pelas secreções expelidas ao falar ou tossir. Antigamente, era uma das principais causas de morbimortalidade na infância. Na era pré-vacina, estimava-se que até 90% das crianças teriam tido contato com vírus do sarampo até os 15 anos de idade. Contudo, esse cenário foi modificado após a introdução da vacina contra o vírus do sarampo no calendário vacinal. Por muitos anos, foi tida como uma doença quase erradicada, no entanto, desde fevereiro de 2018 o país vive um novo surto da doença.

Inicialmente, o sarampo pode se manifestar através de febre, dor de cabeça, tosse, coriza e conjuntivite. Com a evolução do quadro, surgem manchas vermelhas na pele, que se iniciam atrás da orelha e, em seguida, espalham-se por todo o corpo. Mesmo em indivíduos saudáveis, o quadro clínico pode ser intenso, sendo necessária internação hospitalar.

As complicações mais comuns são otite, diarreia, pneumonia e, mais raramente, acometimento do sistema nervoso central, podendo gerar um quadro chamado encefalite. Essas formas graves de apresentação são mais frequentes em crianças menores de cinco anos, gestantes e imunocomprometidos.

Não há tratamento específico para o vírus do sarampo. Orienta-se repouso, ingesta abundante de líquidos, antitérmicos para controle da temperatura e, caso haja complicações bacterianas, uso de antibióticos.

Em tempos de novo surto da doença, é importante relembrar a toda comunidade a importância da vacinação no controle da disseminação da doença. Para se atingir a imunidade de uma população e interromper a transmissão entre indivíduos, estima-se que é necessária uma taxa de vacinação superior a 95% dos indivíduos alvo da campanha. Logo, procure seu médico e se certifique se os cartões vacinais do seu filho e sua família estão em dia. Vacinação é um ato pela sua saúde e pela saúde de todos.