Unimed João Pessoa

Notícias

Hospital adota protocolo para reduzir tempo de jejum dos pacientes

A- A+
Publicada em 08/02/2019 às 07h
Pacientes terão mais conforto, segurança e bem-estar com a aplicação do Protocolo de JejumPacientes terão mais conforto, segurança e bem-estar com a aplicação do Protocolo de Jejum

O Hospital Alberto Urquiza Wanderley adotou o Protocolo de Abreviação de Jejum para oferecer mais conforto, bem-estar e segurança aos pacientes. Isso significa dizer que, em alguns casos, o paciente não precisa mais seguir o jejum prolongado ao se submeter a um procedimento cirúrgico.

Para tanto, há um conjunto de práticas e diretrizes que são realizadas por toda a equipe multiprofissional. A recomendação do tempo de jejum é definida de acordo com o tipo de alimento e de procedimento ao qual a pessoa será submetida.

Seguir o protocolo faz com que os profissionais monitorem o jejum com eficiência e orientem sobre como reduzi-lo, conforme os critérios padronizados. Os pacientes ingerem uma bebida composta por uma solução clarificada (uma espécie de suplemento) antes do procedimento cirúrgico. Dessa forma, evita-se um longo período de jejum.

BENEFÍCIOS

A adoção desse protocolo traz inúmeros benefícios para quem vai passar por uma cirugia. Entre eles, estão a redução do período de jejum pré-operatório, a diminuição nos efeitos colaterais no pós-operatório (menos fome, sede, naúsea e vômitos), recuperação mais rápida e, consequentemente, um menor tempo de internação hospitalar.