A- A+

Blog da Saúde

Gosta de andar de bike? Saiba como participar do 2º Pedal Cooperativo

Publicada em 22/10/2019 às 09h42
Gosta de andar de bike? Saiba como participar do 2º Pedal Cooperativo

A Unimed João Pessoa está apoiando o 2º Pedal Cooperativo da Paraíba, promovido pelo Sistema OCB/Sescoop, que será realizado neste sábado (26), para ajudar à Rede Feminina de Combate ao Câncer. A ação, que faz parte do Outubro Rosa, destinará os alimentos arrecadados durante a inscrição para a instituição.

A concentração terá início às 5h30, no Centro Esportivo V2, em Manaíra. Os ciclistas farão um percurso de 15 km pela orla, passando pelos bairros de Manaíra e Bessa e retornando ao ponto de partida.

As inscrições serão realizadas até a sexta-feira (24), com a doação de 3 quilos de alimentos não-perecíveis (preferencialmente, macarrão, leite em pó e feijão), na sede do Sistema OCB/PB, que é formado pelo Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras do Estado da Paraíba e Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado da Paraíba.

O Sistema OCB/Sescoop fica localizada na Avenida Coremas, 498, Centro, João Pessoa, e funciona das 8h às 17h. Os ciclistas também podem se inscrever na Loja Sport Life (Centro Esportivo V2 – sala 2), Av. João Maurício, 945 – Manaíradas 9h às 12h e das 13h às 18h.

Além da Unimed JP, a iniciativa conta com o apoio do grupo Aventureiros do Pedal e a parceria da Federação Paraibana de Ciclismo, Uniodonto João Pessoa, Extremo Turismo e Central Sicredi N/NE. Os donativos serão entregues à entidade beneficiada no dia 30 de outubro. Os donativos serão entregues à entidade beneficiada no dia 30 de outubro.

ANOTA NA AGENDA

2º Pedal Cooperativo da Paraíba

Data: 26 de outubro de 2019
Concentração: 5h30, no Centro Esportivo V2 – Av. João Maurício, 945 – Manaíra
Percurso: 15 km (Manaíra - Bessa- Manaíra)
Inscrições: 3 kg de alimentos não-perecíveis, até o 24 de outubro
Locais de inscrições: Sistema OCB/PB e Centro Esportivo V2

Vista a camisa rosa e venha participar do Jampa especial neste sábado

Publicada em 04/10/2019 às 07h
Vista a camisa rosa e venha participar do Jampa especial neste sábado

Todos os anos, a Unimed João Pessoa promove diversas ações para alertar a população sobre do câncer de mama. As atividades fazem parte do Outubro Rosa, mês em que o mundo todo alerta as mulheres e a sociedade sobre a importância do cuidado e do diagnóstico precoce da doença.

Uma das ações será realizada neste sábado (5) com uma edição especial do Jampa Saúde: o Jampa Rosa. Projeto da Cooperativa, o Jampa tem o objetivo de incentivar a prática de atividade física.

Como acontece aos sábados, das 6h às 8h, na praia do Cabo Branco (na altura do final da Avenida Beira-Rio), serão oferecidos treinamento funcional e serviços de saúde, com a aferição da pressão arterial, teste de glicemia e verificação do Índice de Massa Corporal (IMC).

CONSCIENTIZAÇÃO

Nesta edição especial, os participantes serão convidados a vestir camisas rosa, cor símbolo da campanha.Também será colocada faixa conscientizando as pessoas sobre os cuidados com a saúde das mamas.


O Jampa Saúde é realizado todas as terças, quintas e sábados. São oferecidas atividades, gratuitamente, à população, com acompanhamento de profissionais da área de educação física da Unimed JP. Para saber mais sobre a iniciativa, basta acessar o portal da Unimed JP ou clicar aqui.

 

O que você pode ou não fazer durante a gravidez; confira as dicas

Publicada em 25/09/2019 às 07h
O que você pode ou não fazer durante a gravidez; confira as dicas

Quando o sonho da maternidade se concretiza e a mulher engravida, muitas vezes o planejamento se volta só para a vida do bebê após o nascimento, mas, durante o período da gestação, há muito a ser feito, além de conter a ansiedade para a chegada do herdeiro. A começar que os ginecologistas obstetras são unânimes em afirmar sobre a importância de três pontos-chave a serem observados e acompanhados. São eles:

O PRÉ-NATAL

Ou seja, o atendimento médico é fundamental desde o início da gravidez para acompanhá-la, e também identificar possíveis causas de partos prematuros e/ou probabilidade de a gestante vir a ter complicações na gestação e preveni-las.E, quando não for possível, fazer o tratamento mais adequado para cada situação.

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

A dieta deve ser balanceada, colorida e conter todos os grupos alimentares: proteínas; carboidratos, principalmente os integrais; gorduras;e os macro e micronutrientes (vitaminas e minerais). Porém, se faz necessária a diminuição do consumo de sal e de carboidratos simples, como açúcar, e outros alimentos feitos com farinha branca; além da gordura saturada, provenientes de carnes gordurosas e embutidos.

PRÁTICA REGULAR DE EXERCÍCIOS

Estudos mostram que gestantes que fazem exercícios têm mais disposição, e menor risco de desenvolver hipertensão e diabetes, melhor controle do peso e maior chance de ter o parto bem sucedido, seja normal ou cesárea,ao final das 40 semanas. Mas, antes de iniciar os exercícios por conta própria, é preciso ter o aval do médico obstetra para saber se não há nenhuma contraindicação, tais como sangramentos, placenta baixa, colo curto, entre outras. Em caso negativo, é possível manter-se ativa durante toda a gravidez.

Os exercícios mais recomendados para a grávida são, de preferência, os que não têm grande impacto ou risco de causar lesões, como, por exemplo, caminhadas, hidroginástica, natação e pilates. A corrida e a musculação leves podem ser praticadas preferencialmente pelas mulheres que já tinham um bom condicionamento físico e eram praticantes das modalidades antes da gestação, mas sempre com baixa intensidade e, ainda assim, com permissão médica.

GRÁVIDA NÃO COME POR DOIS

O mito de que gestante come por dois está sempre à volta da grávida que costuma, sim, ter um aumento do apetite, no entanto, o consumo precisa ser muito bem orientado para que ela não engorde mais do que o bebê precisa para crescer e se desenvolver. De acordo com dados do Ministério da Saúde, uma mulher saudável pode engordar de 8kg a 16 kg, durante toda a gestação, dependendo se ela estava dentro ou fora do peso antes de engravidar. Em linhas gerais, a gestante precisa ingerir cerca de 300 calorias a mais do que estava habituada e, na reta final da gestação, em torno de 400 calorias. Diversos estudos já mostraram que o consumo de açúcar durante a gravidez pode levar a uma diabetes gestacional. É claro que a grávida pode sentir mais fome – e até desejo por alimentos mais calóricos –,mas é preciso manter o bom senso para não fazer desses momentos uma exceção e não uma regra.
 

O QUE NÃO PODE FALTAR NO PRATO

As refeições precisam contemplar todos os grupos alimentares. Por isso, não pode faltar no prato vegetais (folhas e legumes), frutas, carne bovina magra, frango, ovos, peixes cozidos ou assados (sardinha, salmão, atum, pescada, cavalinha), leguminosas (feijão, grão-de-bico, lentilha, ervilha), cereais (arroz, macarrão e pão integrais, além da aveia e do milho, por exemplo), azeite extravirgem, oleaginosas (nozes e castanhas), leites e derivados.


O QUE DEVE SER EVITADO

Durante a gestação, deve-se diminuir o consumo de bebidas ricas em cafeína, como café e chás mate, verde e branco. É recomendado também evitar carnes mal passadas ou cruas, mariscos, maionese, frituras, bebidas gaseificadas, além de bebidas alcoólicas e fumo, que podem afetar o desenvolvimento do bebê.

 

Com informações da Unimed do Brasil

Oficina vai ensinar pais a preparar alimentos para seus bebês; saiba mais

Publicada em 20/09/2019 às 07h
Oficina vai ensinar pais a preparar alimentos para seus bebês; saiba mais

O leite é o alimento completo, fornecendo inclusive água, isento de contaminação e perfeitamente adaptável ao metabolismo da criança. Mas, a partir dos seis meses de vida, o organismo da criança está preparado para recebe outros alimentos, mantendo o leite materno até os dois anos de idade ou mais.

É preciso iniciar a introdução de alimentos complementares de forma lenta e gradual, para suprir as necessidades nutricionais do bebê. Muitos pais, no entanto, se sentem inseguros sobre como fazer a introdução da alimentação complementar.

Para orientar nessa tarefa, a Unimed João Pessoa vai realizar mais uma Oficina de Papinhas. A próxima edição será realizada no dia 3 de outubro, das 13h30 às 17h30, no Viver Melhor, no Bairro da Torre. A atividade, organizada pelo Grupo Mãe e Bebê, é exclusiva para clientes e colaboradoras gestantes ou com bebês, com direito a acompanhante.

A nutricionista do Grupo Mãe e Bebê da Unimed João Pessoa, Paula Bacalhau, explicou que a introdução alimentar deve ser feita aos poucos e partir dos seis meses de vida. “Deve-se iniciar a introdução da alimentação complementar, oferecendo inicialmente alimentos em forma de papinhas (legumes ou frutas amassadas e aumentar gradativamente a sua consistência)”, argumentou.
 

Espaço saudável e jeito de cuidar para comemorar o Dia dos Clientes

Publicada em 13/09/2019 às 14h
Espaço saudável e jeito de cuidar para comemorar o Dia dos Clientes

Incentivar a adoção de hábitos saudáveis e mostrar o jeito de cuidar da Unimed João Pessoa com as pessoas, especialmente, com os clientes. Essa foi a forma encontrada pela Cooperativa para comemorar o Dia do Cliente. A data é festejada no dia 15 de setembro, mas as ações da Unimed João Pessoa começaram nesta sexta-feira (13) e vão até domingo. Nesse dia, as atividades serão, exclusivamente, nos hospitais próprios Alberto Urquiza Wanderley e Moacir Dantas.

Ainda na sexta, para chamar a atenção das pessoas sobre a importância da adoção de frutas na alimentação e, assim, ganhar mais saudável foi montado um espaço nas recepções principais da Operadora e do Hospital Alberto Urquiza Wanderley. Os clientes eram convidados a tomar sucos e ganhavam uma “sacolinha” de frutas para levar para casa.

O espaço montado integra as iniciativas da Unimed João Pessoa dentro da Campanha Mude1Hábito, movimento realizado em todo o país pelo Sistema Unimed para incentivar a população a adotar hábitos saudáveis. O objetivo é mostrar que toda pessoa pode mudar algum hábito para viver com mais saúde.

O servidor público Christian de Almeida Santos, 44 anos, foi um dos clientes que passou pelo espaço e aproveitou para tomar um suco com a sua filha, a pequena Maria Luisa, e deixou a criança escolher as frutas que queria para compor sua sacola. “Achei interessante perceber que a Unimed João Pessoa tem a preocupação de chamar atenção sobre a adoção de hábitos saudáveis, principalmente com relação à alimentação, que repercute diretamente na saúde tanto no presente quanto no futuro”, afirmou.

MAIS CARINHO

Além do incentivo a uma alimentação saudável, a comemoração contou também com uma entrega de brindes para os clientes em atendimento na Unimed João Pessoa: um coração de borracha antiestresse, que demonstra o jeito de cuidar da Cooperativa.

A professora Teresa Cristina da Silveira, 58 anos, cliente há mais de 30 anos se sentiu prestigiada com o carinho que recebeu através das ações da Unimed João Pessoa. “Não tem quem me faça trocar de plano de saúde. Eu sempre fui muito bem atendida pela Unimed JP”, enfatizou.