A- A+

Blog da Saúde

Como quebrar os mitos e tabus da sexualidade na terceira idade?

Publicada em 21/06/2019 às 07h
Como quebrar os mitos e tabus da sexualidade na terceira idade?

Apesar dos mitos e tabus, a sexualidade na terceira idade deve ser vista como algo natural. Mas para vivê-la plenamente é preciso mais do que nunca entender as mudanças do corpo e saber conviver tranquilamente com essa nova fase da vida.

Quando envelhecemos, o organismo deixa de produzir determinados hormônios que interferem no desempenho sexual do homem e da mulher. Além disso, fatores externos como a aparência e até aspectos sociais interferem na sexualidade do idoso.

Por isso, é preciso entender as mudanças fisiológicas, os aspectos psicológicos e adaptar-se a esse novo ciclo do ser humano.

"Com a chegada da menopausa, na mulher, e da andropausa,  no homem, se faz necessário cuidar da parte fisiológica, como também é fundamental buscar ajuda psicológica,  porque há fatores que podem levar ao isolamento, a uma baixa autoestima, achar que não é mais homem e não é mais mulher", explicou a psicóloga Abigail Lopes, que integra a equipe do Viver Melhor, da Unimed João Pessoa.

O que muita gente não sabe é que o sexo na terceira idade pode ser igualmente prazeroso, desde que o casal idoso saiba como buscar a felicidade e a satisfação no momento de intimidade. " O prazer sexual não acontece apenas com a penetração. O carinho, o toque, praticas sexuais prazerosas, podem levar ao orgasmo, sempre respeitando o desejo um do outro", completou Abigail.

OFICINA

Para tentar construir uma nova consciência no idoso com relação a esse assunto, o Grupo 60 + feliz está realizando no dia 1º de julho, de 8h às 12h, a Oficina Saúde e Sexualidade na Terceira Idade. Podem participar, gratuitamente, clientes da Unimed JP com 60 anos ou mais.

O Grupo 60 + Feliz faz é uma iniciativa do Setor de Promoção da Saúde da Cooperativa que realiza encontros e atividades para os clientes com  60 anos ou mais. Para conhecer mais esse e outros grupos, basta acessar o Portal Unimed JP (https://www.unimedjp.com.br/) e clicar na aba Viver Melhor ou acessar a página AQUI.

Os encontros ocorrem no Viver Melhor e as inscrições já estão abertas. Veja como fazê-la:

Internet:

 www.unimedjp.com.br/viver-melhor (se preferia Clique Aqui)

Telefones:

 2106-0430 / 3506-8700

Presencialmente:

Viver Melhor (Avenida Bento da Gama, nº 396, Torre)

ORIENTAÇÕES

Confira algumas orientações para manter a satisfação sexual na terceira idade

  • Adotar a auto-estimulação antes do ato sexual.
  • Não esquecer as consultas periódicas ao ginecologista e urologista.
  • Incentivar a atividade física.
  • Estimular a alimentação equilibrada.
  • Adotar medidas para diminuir o estresse e a ansiedade.
  • Dialogar sobre as adaptações sexuais.

Jampa fará uma pausa em virtude dos feriados, mas retoma na terça-feira

Publicada em 20/06/2019 às 07h
Jampa fará uma pausa em virtude dos feriados, mas retoma na terça-feira

O Jampa Saúde vai dar uma pausa em suas atividades por conta dos feriados de Corpus Christi e São João. Nesta quinta-feira (20) e no sábado (22) as atividades serão paralisadas, voltando ao normal na terça-feira (25).


Projeto da Unimed João Pessoa, o Jampa Saúde oferece treino funcional, zumba e serviços de saúde gratuitamente para toda a população na Praia do Cabo Branco, na altura do final da Avenida Beira-Rio.

As atividades ocorrem, regularmente, às terças e quintas das 17h às 19h30, e incluem dois circuitos de treinamento funcional. Já a aula de zumba começa às 17h e vai até as 18h. Aos sábados, são disponibilizados dois circuitos de treinamento funcional e os serviços de saúde, das 6h às 8h.


O Jampa é organizado pelo Setor de Promoção da Saúde da Unimed João Pessoa. Para participar, a pessoa tem que ter mais de 18 anos e levar uma declaração, assinada por um médico, atestando a sua aptidão física. Para saber mais sobre o projeto da Unimed JP, clique aqui.

Marmita saudável para comer bem e ainda economizar; veja as vantagens

Publicada em 07/06/2019 às 07h
Marmita saudável para comer bem e ainda economizar; veja as vantagens

Cozinhar a própria refeição e levá-la para o trabalho é uma prática adotada por inúmeros trabalhadores e na Unimed João Pessoa já faz parte da rotina de muitos colaboradores. As famosas marmitas, além de conter o alimento preferido de quem a consome, pode ser uma opção mais em conta, se comparada ao preço do cardápio nos bares e restaurantes.

A contadora Josane Cristina de Oliveira Lourenço é adepta da marmita há cerca de um ano. Segundo ela, alguns motivos a fizeram preparar o próprio almoço e levá-lo ao trabalho. “Em primeiro lugar é uma questão de economia, pois estava gastando muito com refeição”, destaca.

Como Josane e o marido fazem dieta, eles seguem uma alimentação adaptada, conforme a necessidade de cada um. O casal também seleciona produtos, em sua maioria, orgânicos e integrais.

CUIDADOS

Mesmo quem não cozinha em casa, mas compra a marmita pronta, também afirma que há algumas vantagens. Entre elas, a praticidade de não sair do local de trabalho na hora do almoço e ter mais tempo livre por não precisar cozinhar em casa. Esse é o caso do analista de sistema Gregório Ferraz, que há pelo menos quatro anos adotou essa alternativa. "Minha esposa e eu, no início, cozinhávamos a própria marmita, mas não tínhamos muito tempo livre. Agora, podemos aproveitar mais a companhia um do outro", acrescenta. O casal gosta de marmita fitness.

Para a nutricionista Paula Bacalhau, que integra a equipe do Viver Melhor, o uso de marmita é aconselhável, mas é preciso tomar alguns cuidados. "As refeições devem ser planejadas de forma que sejam nutricionalmente saudáveis e balanceadas. Tais cuidados dizem respeito ao preparo dos alimentos, armazenamento, transporte, refrigeração, aquecimento e consumo", explica.

OFICINA

Mas, preparar a própria refeição, saber compor o prato de forma a ter, no final, uma alimentação balanceada, às vezes não é tão simples. E para quem não dispensa a marmita e deseja comer de forma saudável, o Grupo Equilíbrio do Corpo, uma iniciativa de promoção da saúde da Cooperativa, vai promover a Oficina de Marmita Saudável.

A atividade é voltada para quem deseja levar suas refeições para o trabalho, faculdade ou mesmo em passeios, a fim de se alimentar de forma saudável, segura e econômica, sem excessos e equilibrada. A oficina será realizada no dia 14, das 8h às 12h, no Viver Melhor. Podem participar, gratuitamente, qualquer cliente da Unimed JP.

INSCRIÇÕES

Ficou interessado? Então veja como se inscrever:

Internetclique aqui
Telefones: 2106-0430 e 3506-8700
Presencialmente: Viver Melhor (Avenida Bento da Gama, nº 396, Torre).

Unimed JP oferece curso e oficina para mães: veja como participar

Publicada em 03/06/2019 às 07h
Unimed JP oferece curso e oficina para mães: veja como participar

A chegada de um bebê em uma família é sempre motivo de comemoração, mas também requer, de todos, cuidados especiais que garantam o bem-estar dos pequenos. Geralmente as mães são protagonistas neste zelo diário com a criança e, para deixá-las mais seguras, a Unimed João Pessoa oferece cursos e oficinas que trazem orientações importantes no cuidado com os filhos.

Para ajudar as gestantes e mães de recém-nascidos, a Unimed João Pessoa vai realizar mais uma edição do Curso de Amamentação, na próxima quinta-feira (6), das 13h às 17h30; e da Oficina de Cuidados com o Bebê (13), das 14h às 17h, no Viver Melhor. Se você ficou interessada, ainda dá tempo de participar. As inscrições estão abertas e podem ser feita pela internet, telefone ou presencialmente (confira abaixo como fazer).

SOBRE AS ATIVIDADES

As duas atividades fazem parte da progrmação do Grupo de Educação em Saúde (GES) Mãe e Bebê, iniciativa da Unimed JP que orienta grávidas para uma gestação saudável e para os cuidados com o recém-nacido.


CURSO

O Curso de Amamentação, que ocorrerá no dia 6 de junho, 13h às 17h30, é voltado para as clientes da Unimed JP gestantes, puérperas e lactantes. É permitido um acompanhante. Durante o encontro, vão ser abordado temas como os aspectos emocionais da amamentação. Quer saber mais sobre o curso? Então clique aqui.

OFICINA

A Oficina Cuidados com o Bebê será realizada no dia 13 de junho, das 14h às 17h, e o público-alvo são as e clientes gestantes, com direito a um acompanhante. A oficina traz informações sobre os  primeiros cuidados com a criança, utilizando técnicas de forma lúdica. Para saber mais clique aqui.

INSCREVA-SE GRATUITAMENTE

Internet clique aqui
Telefones: 2106-0430 e 3506-8700
Presencialmente: Viver Melhor (Avenida Bento da Gama, nº 396, Torre).

O que você previne quando deixa de fumar; confira algumas orientações

Publicada em 31/05/2019 às 07h
O que você previne quando deixa de fumar; confira algumas orientações

Vários fatores podem levar uma pessoa a começar a fumar. A curiosidade, o fácil acesso, a influência de conhecidos e até uma ilusão de status são alguns deles. Mas há muito mais motivos para abandonar esse hábito ou, se você nunca fumou, para nem chegar perto da primeira tragada. Quer saber quais são?

Em alusão do Dia Mundial Sem Tabaco, celebrado nesta sexta-feira (31 de maio), reunimos alguns dos principais argumentos para ficar longe desse vício:

Não fumar ajuda na prevenção de aproximadamente 50 doenças.

Entre elas estão vários tipos de câncer (pulmão, laringe, faringe, esôfago, estômago, fígado, rim, bexiga, colo de útero, leucemia), doenças do aparelho respiratório e doenças cardiovasculares.

 

Justamente por isso, a expectativa de vida de quem não fuma é muito maior do que a de um fumante.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o tabagismo é a principal causa de morte evitável no mundo, e a redução no risco das doenças citadas impacta diretamente na longevidade. Quanto antes o indivíduo parar de fumar, maior será a sua expectativa de vida, podendo chegar a até dez anos de diferença.

 

Os benefícios de parar de fumar podem ser sentidos logo nos primeiros momentos sem cigarro.

Em questão de horas, não há mais nicotina no sangue, a pressão e o nível de oxigênio no sangue se normalizam, e logo nos primeiros dias os aromas e sabores dos alimentos podem ser melhor percebidos. Com o passar dos dias, melhora a circulação, a fadiga e a falta de ar. E os riscos de doenças cardíacas e de câncer de pulmão podem cair pela metade nos primeiros anos.

 

Não fumar beneficia também a saúde daqueles à sua volta.

A inalação involuntária à fumaça do cigarro expõe o indivíduo a uma mistura de mais de 4 mil compostos químicos que podem provocar, entre outras consequências, problemas respiratórios e cardíacos, além de boa parte desses componentes serem cancerígenos. Vale lembrar que o fumo passivo é especialmente mais nocivo a crianças e idosos, que têm o sistema imunológico mais frágil.

Melhora também a saúde do bolso.

Quem deixa de fumar um maço por dia (20 cigarros) pode economizar cerca de R$ 150 por mês. Ao final de um ano, a economia é de R$ 1,8 mil.

 

Existem muitos serviços de apoio para auxiliar o fumante a abandonar o vício.

Você não está sozinho. Ministério da Saúde, estados, municípios, ONGs e serviços privados têm programas para tratamento do tabagismo, que geralmente incluem avaliações individuais e sessões em grupo, para receber orientações e estímulos positivos que ajudam em todo o processo de superação do vício.

 

INSPIRE SAÚDE

Para de fumar não é fácil. Para ajudar os clientes  a largarem esse mau hábito e ganhar mais saúde e qualidade de vida, a Unimed João Pessoa oferece um importante aliado: o Grupo Inspire Saúde, uma iniciativa do Setor de Promoção de Saúde da Cooperativa.

O grupo conta orientações importantes para conscientizar os clientes a deixar de fumar e, assim, prevenir riscos de doenças relacionadas ao tabagismo. As atividades são realizadas em grupo no Viver Melhor (Avenida Bento da Gama, nº 396, Torre).

Ao todo, os integrantes participam de cinco encontros. O trabalho é conduzido por uma equipe interdisciplinar, formada por psicólogo, assistente social, fisioterapeuta, enfermeira e nutricionista.

Quer saber mais  sobre o grupo Inspire Saúde? Clique aqui. Para mais informações, ligue 2106-0430 e 3506- 8700.


Com informações da Unimed do Brasil